1 Expressão que não deve dizer ao seu filho

Num dos meus últimos artigos, verifiquei o grande interesse dos leitores, pela forma como Comunicamos com as nossas crianças. Assim, vou disponibilizar mais uma dica para melhorarmos, ainda mais, a forma como nos relacionamos com as crianças. 

futuros pais

Quantas vezes não vos aconteceu de assistirem a uma conversa, entre Pai/Mãe e filho/filha, semelhante a esta: a criança está a ajudar o pai a carregar uns sacos e, sem se aperceber, deixa cair um deles. O pai diz-lhe:
- Oh João, então não tens cuidado com o que estás a fazer? Já viste o que fizeste? Realmente,.. NUNCA fazes NADA de jeito!!!! 

Esta é uma típica frase/expressão completamente ARRASADORA para com as crianças (e nos adultos também!) que se ouve, ainda, com alguma regularidade. Eu sei e até compreendo que, ditas no “calor” do momento não parecem ter grande influência, mas a Verdade é que ao ler-se, compreendemos o quanto esta frase é condicionadora da ação futura daquele jovem. Vejam desta forma: quando se diz,..tu NUNCA fazes NADA de jeito, o que estamos a dizer é o mesmo que,..tudo o que ele já fez, faz ou fará, não estará bem feito. Generalizamos de uma situação específica a sua ação, quer no tempo (Nunca) quer na atitude (Nada). Eu diria que é o mesmo que chamá-lo de inútil!!! 

fc745-14873_1

Dizermos a uma pessoa que ela NUNCA faz NADA  de jeito, é colocá-la num patamar de incapacidade que a deixa, inconscientemente, incapaz de agir corretamente, estamos a condicionar as suas próximas ações porque o que está a ser gravado internamente, é mesmo isso, para além de que essa situação terá uma maior probabilidade de ficar gravada na memória, de forma privilegiada, ou seja, vai relembrar mais facilmente. 

A partir desta situação podem desenvolver-se Crenças Limitadoras quanto à sua capacidade de concretizar ações, sejam elas pessoais, familiares ou profissionais, porque foram várias vezes verbalizadas por pessoas da sua Zona de Conforto/Círculo de Confiança, nomeadamente família direta, amigos e professores, por exemplo. Felizmente há formas simples de re-significarmos essas frases.

b46d7-people0002big

A sugestão que deixo é simples. Quando quiserem responsabilizar um comportamento, façam-no de forma cirúrgica, ou seja, calmamente dizem o que ele não está a fazer bem/não fez bem. Se é algo que ele não costuma fazer bem, identifiquem qual o aspeto que o impede de realizar aquele comportamento eficazmente, ao invés de generalizar. Em situações mais negativas, importa mesmo é sermos específicos na chamada de atenção. 

Pensamento sempre Positivo!
—–» www.atitudesparavencer.com

One thought on “1 Expressão que não deve dizer ao seu filho

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s